CAFÉ DURINI
Café Durini: produção pequena, qualidade alta

O Café Durini é feito para tornar aquele cafezinho um momento mais que especial.

O Café Durini começou a ser plantado em 2017 dentro de um projeto do Sebrae de resgate da cultura do grão aqui no Vale do Café. Desde então, os princípios e processos agroecológicos da Fazenda Alliança foram incorporados à lavoura. Começamos com 1 hectare de Acauã e um jardim varietal para visitas e demonstrações didáticas sobre cultivo de café para os visitantes.

Depois, em 2019, ampliamos nossa lavoura em mais hectare de Catuaí. No nosso jardim varietal, você verá a diferença entre Bourbon, Catuaí, Acaiá, Mundo Novo, Acauã Novo e outros. Temos também exemplares de genética arcaica, que estão nas nossas terras, em meio à Mata Atlântica desde o século XIX.

A história da região está completamente ligada ao cultivo cafeeiro no Brasil, por isso o nosso nome: Vale do Café. E o café da Fazenda Alliança já se destacava pela alta qualidade do grão lá no século XIX. Hoje, resgatamos esta qualidade com técnicas e conhecimentos avançados em agroecologia e produção orgânica para nossos 2,2 hectares de plantio. E já estamos ampliando a lavoura, agora, com café Arara.

Por isso, nossos visitantes e hóspedes terão a experiência de caminhar por um cafezal, em meio às terras ancestrais da planta no nosso país. E depois de conhecer o processo de manutenção de cada pé, de colheita só de grãos maduros e de secagem, será possível levar consigo um café de altíssima qualidade, com certificado IBD de orgânico. Lembrando que quando falamos de café de alta qualidade, estamos falando de arábica.

O Café Durini é feito para tornar aquele cafezinho um momento mais que especial.

© Fazenda Alliança Agroecológica 2020